Pilar do Sul - SP, domingo, 16 de dezembro de 2018
informe o texto a ser procurado

Notícias / Polícia

26/11/2018 | 11:24 - Atualizada em 12/12/2018 | 07:18

Família procura por jovem e bebê de 8 meses desaparecidas há mais de 20 dias

Raul, marido da moça e pai da bebê, acredita que elas foram raptadas por um colega seu de trabalho

Por Sérgio Santos | sergiosantos@pilarnews.com.br

A família da estudante Tainá de Queiroz Mendes, 18 anos, e da filha dela, Sofia Helena da Silva, de apenas 8 meses, estão desesperados a procura delas, que não são vistas desde sábado, dia 3 de novembro.

Segundo Raul Kennedy da Silva, 19, marido de Tainá, ele estava trabalhando em uma cidade no extremo noroeste do estado e se ausentou de casa em Sorocaba, onde o casal residia, por alguns dias e quando retornou não encontrou a mulher e a filha.

Segundo as informações obtidas por ele, Tainá e Sofia teriam saído de casa em companhia de um colega seu de trabalho, que teria convencido a mulher que ela iria se encontrar com o marido.

Segundo Raul a mulher e a bebê foram raptadas pelo colega, uma vez que ele não teria pedido para ele as levar ao seu encontro.

Raul disse que, por conta do trabalho, conheceu o colega havia cerca de quatro meses e pouco sabe sobre ele, mas que foi informado que o mesmo já tem passagem pela polícia, costuma utilizar documento falso e é foragido da justiça.

“Eu não acredito que a Tainá foi com ele de livre e espontânea vontade, uma vez que estava tudo bem entre a gente, sem avisar o pai dela, a família dela e eu”, disse Raul.

Com todos os envolvidos são de Pilar do Sul, um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia de Pilar e posteriormente encaminhado para a Delegacia de Sorocaba, onde se deu o desaparecimento, que está investigando o caso.

Quem tiver qualquer informação do paradeiro de moça e do bebê pode entrar em contato com a Polícia Militar (190), Polícia Civil de Pilar do Sul (15) 3478-5340 (ou 147), Disque Denúncia 181 ou com a família pelos celulares: (015) 99125-7066 e 99688-1548.

O caso repercutiu na TV Record e foi divulgado no programa Cidade Alerta (veja aqui).

Fotos: Divulgação.

Vídeo Relacionado

5 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • JOSÉ DE MELO NETO 03/12/2018 | 00:00

    EI GENTE, ESSE EMPRESARIIO DE MEIA TIJELA VAI TER QUE DAR CONTA DOS R$ 12.000,00 QUE A TAINÁ RECEBEU DA MÃE DELA REFERENTE A SUA PARTE NA VENDA DA CASA, NINGUEM FALA NESSES R$ 12.000,00 SE O VAGABUNDO TAVA ERA PEDINDO ESMOLAS, ONDE ESTÁ ESSES R$ 12.000,00????????????????????????????????????????????????????

  • Cris nunes 28/11/2018 | 00:00

    Muito triste, tou sofrendo junto, fé em Deus Raul vc vai ter sua família de volta

  • Kátia Cristina de Moura 27/11/2018 | 00:00

    Meu deus ?? que coisa né estou muito triste com essa história mesmo eu não sendo dessa família meu deus ajude esses familiares achar uma solução ainda mais com um bebê envolvida nesse problema e o pai desesperado querendo abraçar sua filha ??

  • Bete 26/11/2018 | 00:00

    Eu vi um moço dizendo que viu essa moça com o filho em Campinas ele ainda deu a ela cinco reais ele queria saber o fone de parentes para avisá-los,vi no face mesmo

  • Nilto brandao 26/11/2018 | 00:00

    e muito triste ver uma notícia assim uma cidade que era muito tranquila hoje eu não moro mais em pilar mas vi esta cidade crescer

 
 
Sitevip Internet