Pilar do Sul - SP, domingo, 24 de fevereiro de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias / Agronegócios

01/02/2019 | 08:37 - Atualizada em 01/02/2019 | 09:46

Sindicato Rural promove apresentação do Programa Proleite do Senar

A inscrição para o curso se encerram nesta sexta-feira (1/02) e é inteiramente gratuito

Por Sérgio Santos | sergiosantos@pilarnews.com.br

O Sindicato Rural Patronal e o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) realizaram nesta quinta-feira (31) uma palestra explicativa sobre o Programa Pecuária Leiteira (Proleite).

O projeto conta com o apoio e parceria da Prefeitura de Pilar do Sul, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Sedruma).

O curso de qualificação é inteiramente gratuito, destinado aos pequenos produtores de leite e o objetivo é capacitar os produtores rurais no manejo intensivo de produção de leite a pasto.

A apresentação do Programa foi feita pelo professor Kleber Brandão de Godoy, médico veterinário e instrutor do Senar de São José dos Campos-SP, e contou com a presença de mais de 20 produtores rurais, além do secretário municipal de agricultura, José Junior de Almeida Rosa, e do representante da CATI (Coordenadoria de Assistência Técnica Integral), Luiz Antonio Proença.

Brandão dirimiu dúvidas e explicou as diretrizes e objetivos do Programa, que terá duração de 10 meses, com encontros quinzenais de três dias, totalizando, ao final do curso, uma carga horária de 454 horas.

Após a apresentação, o grupo seguiu para visitas à campo em quatro propriedades rurais oferecidas pelos produtores para ser a ‘Unidade Administrativa’, ou a unidade piloto do Programa.

Para o professor, a metodologia do curso é ampla e vai além de meramente capacitar os pecuaristas a formar o pasto e produzir leite.

“Passa pela aplicação da tecnologia apropriada, visando o aumento de produção e produtividade (litros de leite/ha/ano), do gerenciamento da propriedade, com uso de caderno de campo e de custos operacionais da propriedade”, disse Brandão.

Em duas propriedades visitadas o grupo teve exemplos práticos sobre as explicações do professor Brandão.

Em um sítio de apenas 1,5 alqueire no bairro Ribeirão o pecuarista Marcelo Marques Pereira mantém 19 vacas em lactação, com alimentação a cocho com ração, ordenha mecanizada, com produção diária de 320 litros de leite. Pereira entrega o leite a um laticínio por R$ 1,43 o litro.

Já em outra propriedade de 40 alqueires no bairro do Turvinho o produtor Cláudio Lino Costa mantém 30 vacas em lactação, também com ordenha mecanizada, mas com alimentação a pasto, com produção de 350 litros de leite por dia. O pecuarista relatou que o antigo laticínio deixou recolher o leite em seu sítio e com o novo comprador está conseguindo apenas R$ 0,95 por litro.

Para o instrutor do Senar talvez ambos não estejam administrando a propriedade da maneira correta, nem Marcelo, que vende o leite mais caro, mas tem um custo maior de produção com alimentação a cocho, nem Cláudio, que em uma propriedade 20 vezes maior, com mais vacas, produz quase a mesma quantidade de leite que Marcelo.

“O objetivo do curso é exatamente capacitar o pequeno produtor a gerenciar financeiramente a sua propriedade, com administração profissional, e a implantação dos métodos corretos de alimentação à pasto, manejo correto, visando baixar os custos de produção e tornar a atividade rentável. Ao final do curso ele estará capacitado para fazer tudo isso e obter lucro com a atividade leiteira”, disse Brandão.

Os produtores estão entusiasmados para fazer o curso. Marcelo disse que seu objetivo é aprimorar seus conhecimentos e ampliar a sua produção e renda. Cláudio disse que está torcendo para que seu sítio seja escolhido como unidade piloto do Programa, para aplicar novas práticas de manejo e formas correta de produção e utilização de todo o potencial de sua propriedade.

As inscrições para o curso se encerram nesta sexta-feira, 1º de fevereiro, e deve ser feita na sede do Sindicato Rural, na Rua Cel. Moraes Cunha, nº 253, no centro. Telefones: (15) 3278-1015 e 3278-1035.

Módulos e tópicos do curso:

• Planejamento e Gerenciamento Propriedades Leiteiras
• Formação do Canavial
• Manejo Intensivo de Pastagens
• Manejo do Canavial
• Cerca Elétrica
• Irrigação de Pastagem
• Pastagem de Inverno
• Alimentação
• Cana – Colheita e utilização na alimentação
• Sanidade
• Manejo de Ordenha e Qualidade do Leite
• Formação de Pastagens 
• Manejo de Vacas e Touros
• Manejo de Pastagens
• Manejo Reprodutivo
• Manejo de Bezerras e Novilhas

Fotos: Sérgio Santos

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet