Pilar do Sul - SP, sexta-feira, 20 de maio de 2022
informe o texto a ser procurado

Notícias / Geral

10/01/2022 | 16:35 - Atualizada em 10/01/2022 | 20:24

Pilar do Sul registra casos de raiva bovina no Pombal e Claro

Por Sérgio Santos | sergiosantos@pilarnews.com.br

Pilar do Sul registra casos de raiva bovina no Pombal e Claro

Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro de Controle de Zoonoses, e a Secretaria de Desenvolvimento Rural, alertam os produtores rurais de Pilar do Sul sobre a existência de focos de raiva animal na região dos bairros Pombal e Claro.

O primeiro caso confirmado da doença aconteceu na quinta-feira, 6 de janeiro. Trata-se de um bezerro que morreu em um sítio no bairro do Pombal.
 
O caso foi notificado ao Escritório de Defesa Agropecuária e, na sexta-feira (7), os técnicos Bruno e Expedito, juntamente com Maíra Martins (agente de zoonoses) e João Paulo (médico veterinário do Sedruma), vistoriaram a propriedade onde o bezerro morreu e outros dois sítios vizinhos, que também estão com animais sintomáticos suspeitos. O próximo passo é realizar a captura de morcegos hematófagos naquela região.
 
Já no domingo (9), foram coletados mais dois animais que morreram com sintomas nervosos, um no bairro do Claro e outro no bairro do Pombal.
 
A raiva é infectocontagiosa, causada por um vírus que leva a alterações neurológicas, com 100% de mortalidade nos animais acometidos, e pode ser transmitida do animal para o homem.
 
Maíra Martins orienta os criadores a vacinarem todo o rebanho de bovinos, bubalinos, equinos e similares, pois a raiva é letal, e alerta que a raiva é uma doença transmissível entre animais e humanos.
 
“Caso algum animal de seu rebanho apresente os sintomas de raiva, entre em contato imediatamente para que possamos coletar o material para análise laboratorial. A ocultação de informações é crime contra a Saúde Pública”, avisa.
 
A doença é transmitida aos animais pela mordida do morcego. Os principais sintomas da raiva em animais são dificuldade de locomoção, perda de apetite, salivação abundante, perda de equilíbrio, quedas e estiramento do pescoço.
 
A transmissão da doença para humanos se dá pelo contato com a saliva de animais doentes e os sintomas são: alteração de comportamento, febre, insônia, convulsão, dor de cabeça, espasmos musculares e paralisia. Se alguém teve contato com um animal doente deve imediatamente procurar atendimento médico para que seja avaliada a necessidade da vacinação antirrábica.
 
Segundo a responsável pelo Centro de Controle de Zoonoses, existem relatos de dezenas de animais mortos pela doença em diversos bairros do município, mas somente com a notificação ao setor responsável e com a coleta e análise laboratorial os casos podem ser contabilizados.
 
“Muitos munícipes tem medo de informar o setor sobre o animal suspeito por medo de interdição de propriedade, esse protocolo não existe. Precisamos das informações de todos os animais suspeitos para que possamos seguir todos os protocolos, inclusive a captura dos morcegos na região para não haver uma maior propagação da doença”, alerta Maíra Martins.
 
A Zoonoses ressalta também a importância da vacinação de cães e gatos, mas informa que a não realização de campanhas públicas de vacinação antirrábica para caninos e felinos acontece em todo o estado, uma vez que, desde 2019, o Ministério da Saúde não disponibiliza vacinas para realização das campanhas no estado de São Paulo.
 
Em casos de contato com animais suspeitos, procure imediatamente a Vigilância Epidemiológica, ou entre em contato pelo telefone: 3278-4250.
 
Para mais informações, ou em casos de animais suspeitos para coleta, entre em contato com o Centro de Controle de Zoonoses pelo telefone 3278-2339 ou com a Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Sedruma) pelo 3278-2505.



 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
Sitevip Internet