Pilar do Sul - SP, sábado, 31 de outubro de 2020
informe o texto a ser procurado

Notícias / Cidade

17/09/2020 | 13:00 - Atualizada em 18/09/2020 | 08:39

IDEB demostra avanço na qualidade do ensino nas escolas municipais e estaduais de Pilar do Sul

O desempenho nos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano) foi de 7.0, enquanto que dos anos finais (6º ao 9º ano) ficou em 6.0 – ambas superaram a meta estipulada no PNE

Por Sérgio Santos | sergiosantos@pilarnews.com.br

IDEB demostra avanço na qualidade do ensino nas escolas municipais e estaduais de Pilar do Sul

Foto: Foto: Wilson Dias / Agência Brasil

O Ministério da Educação (MEC), através do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), divulgou na terça-feira, 15 de setembro, as notas do IDEB - Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, referente ao ano 2019.

O IDEB avalia a qualidade do ensino nas escolas em todo o país, através de análise do nível de aprendizado e de evasão escolar (ou repetência) e serve de parâmetro para planejamento de ações pedagógicas e investimentos que resultem na melhoria da qualidade da educação em nosso país.

O índice é medido e divulgado a cada dois anos e o objetivo é que o país, a partir do alcance das metas municipais e estaduais, tenha nota 6.0 até 2022, correspondendo à qualidade do ensino em países desenvolvidos. 

Assim, para que o IDEB de uma escola ou rede cresça é preciso que o aluno aprenda, não repita o ano e frequente a sala de aula.

Pilar do Sul supera metas

Pela sétima vez seguida, o IDEB aponta um avanço na qualidade do ensino das escolas municipais de Pilar do Sul - anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano), que saltou de 4.7 em 2005 para 7.0 em 2019, extrapolando a meta estipulada que era de 6.5.

A avaliação das escolas estaduais - anos finais do ensino fundamental (6º ao 9º ano), que havia oscilado negativamente em 2017, dessa vez saltou de 5.3 para 6.0 – um décimo acima da meta de 5.9 estipulada pelo Plano Nacional de Educação (PNE).

Sete escolas do município melhoraram as notas

Das municipais, apenas a escola Narcizo José (de ensino em tempo integral) oscilou negativamente. A escola localizada no Jardim Nova Pilar, que no IDEB anterior havia sido o grande destaque ao saltar de 5.9 (2015) para 7.1 (2017), dessa vez caiu para 6.6, mas mesmo assim acima da meta de 6.5.

As escolas Maria L. Oliveira Iha (centro), Hilda Holtz Carvalho (Nova Pilar) e Massajiro Ogawa (Pinhalzinho) melhoraram seus índices e superaram suas metas, enquanto que a Saturnino Dias de Góes (bairro da Paineira) e Maria Aparecida Perches (Campo Grande), segundo o INEP, não obtiveram média no SAEB - Sistema de Avaliação da Educação Básica (antiga Prova Brasil), e não foram avaliadas.

Em nota, a Secretaria de Educação de Pilar do Sul explicou que a escola Maria Aparecida Perches não foi avaliada porque não mais atende estudantes do 5º ano. Já a escola Saturnino não participou da avaliação por não ter o número mínimo de alunos necessário para aplicação do SAEB.

Entre as estaduais (avaliação do anos finais do ensino fundamental - 1º ao 5º ano) , a escola estadual Padre Anchieta (bairro Campo Grande), que no IDEB anterior havia caído, dessa vez saltou de 4.9 para 5.6 e extrapolou a meta, assim como as escolas Cida Lacerda (Jardim Colina) e Cida Rechineli (Santa Cecília), que também oscilaram positivamente e cumpriram as metas estipulada no Plano Nacional de Educação.

Vale destacar a melhora de desempenho da escola Cida Rechineli (Santa Cecília) que em 2011 obteve o pior desempenho entre todas as escolas da cidade. Em apenas sete anos a escola Rechineli saltou de 3.6 para 5.7 e superou a meta de 5.4 estipulada para o período. 

Na avaliação do ensino médio (3º ano), que passou a ser feita apenas a partir de 2017, a escola Anchieta obteve índice 4.6, a Rechineli 4.9 e o Odilon 5.9 - todas acima da meta.

A escola Odilon Batista Jordão, que em 2018 foi transformada em escola de tempo integral de ensino médio, foi avaliada apenas no ensino médio e obteve nota 5.9 superando a meta em 1 ponto.

Secretaria de Educação comemora resultado

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação comemorou o resultado, que, segundo ela, coloca Pilar do Sul no seleto grupo de municípios com índice 7.0 no IDEB - anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 5º ano).

“Essa pontuação é mais uma evidência do trabalho bem feito e que se supera a cada edição do IDEB. É muito significativa e reveladora do esforço de cada um de nós. Nossa gratidão aos professores, diretores de escola e coordenadores, funcionários, pais e alunos da rede pública de ensino, pois reconhece que esses avanços são resultados de um trabalho realizado em parceria com a secretaria de educação”, diz a nota.



2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Wesley 20/09/2020 | 00:00

    MARIAH ELISABETE, creio que seja mais de 12 anos que dá vontade de chorar pelo ensino público. Falo isso pelo seu português e colocação verbal nas suas palavras. Totalmente sem nexo algum e totalmente fora de contexto.

  • MARIAH ELISABETE 18/09/2020 | 00:00

    è pra rir , mas n vi graça nenhuma , nem aqui nem no pais todo o ensino ta na UTI alias creio que faleceu ja tais brincando como mâe ja tem uns 12 anos ou mais que vejo o ensino publico e sinceramente tenho vontade chorar , o ano com 365 dias se tiver 100 dias de aulas serias batidas sem feriados pontos facultativos dia disso daquilo a barriga de alguem doeu para o pais , pais parado n gera emprego e nem educaçao e oque mais acontece no pais è feriado tem semana que tem dois dias de aulas e para dia do pastel ir na chacara n sei oque ai cansa pelo menos eu ja cansei

 
 
Sitevip Internet